Por que está faltando ferro?

Você está sempre cansad@, com queda de cabelo, às vezes se sente tont@ e com aquela moleza e parece que não tem energia nas pernas? Pode ser falta de ferro! E pode até ser que a quantidade de açúcar que você está consumindo esteja atrapalhando na absorção dele!

 

A falta de ferro ainda é um dos principais problemas nutricionais de saúde pública, principalmente entre mulheres, crianças e gestantes.

Estima-se que 24,8% da população mundial entre o período de 1993-2005 tiveram anemia ferropriva.

A principal causa nas mulheres é a perda menstrual, mas também a baixa ingestão e absorção. Por este motivo, as mulheres tem uma demanda de ferro 2x maior que os homens.

Bebês entre 7-12 meses tem uma demanda de ferro (11mg/dia) maior que de um homem adulto (8mg/dia). Por isso nesta fase é iniciada a introdução alimentar e é protocolo a suplementação de ferro e vitamina A.

A falta de ferro pode (e deve) ser identificada muito antes da anemia se manifestar através da presença de alguns sintomas e pela confirmação de baixos níveis sanguíneos de ferritina.

Alguns dos sinais comumente manifestados são:

  • Fraqueza e cansaço
  • Tontura (principalmente ao se levantar)
  • Queda de cabelo e unhas fracas
  • Dificuldade de deglutição e evacuação
  • Vontade de comer gelo (pagofagia)
  • Palidez
  • Feridas no canto da boca
  • Dor de cabeça
  • Síndrome das pernas cansadas
  • Respiração curta pós esforço
  • Falta de concentração
  • Irritabilidade
  • Redução de enzimas intestinais.

Deficiências de ferro difíceis de serem recuperadas também podem estar relacionadas com outros fatores além da baixa ingestão ou absorção de alimentos rico em ferro:

  • baixa acidez no estômago ou uso de antiácidos
  • disbiose intestinal
  • parasitas intestinais
  • deficiência de zinco e/ou vitamina A
  • alto quantidade de nutrientes competidores do ferro (fitatos, fibras, cálcio, manganês, polifenóis)
  • doença celíaca não tratada

A Disbiose é o desequilíbrio entre as bactérias do intestino com aumento de bactérias maléficas, ocasionada principalmente por uma alimentação rica em açúcar e carboidratos refinados, má digestão e o consumo de medicamentos.

Essas bactérias consomem o ferro presente no intestino, principalmente se na forma de sulfato ferroso, impactando na absorção deste nutrientes. A maioria dos suplementos de ferro prontos são na forma sulfato e este pode ser o motivo de não funcionarem na recuperação da deficiência de ferro.

Pessoas que não consomem alimentos de origem animal precisam de uma quantidade 2x maior de ferro, pois o ferro dos vegetais é de menor absorção. Neste caso, além do aumento no consumo de alimentos fontes deste mineral é  para é necessário ter na mesma refeição a presença de alimentos ricos em vitamina C, como acerola, caju ou goiaba (que podem ser na forma de um suco concentrado), frutas cítricas ou salsa fresca para otimizar a absorção de ferro.

Outro ponto de atenção é a possível alta quantidade de nutrientes que bloqueiam a absorção de ferro, como as fibras e os fitatos principalmente.

Algumas das principais fontes de ferro vegetal são, semente de abóbora, gergelim, chia lentilha, feijão, espinafre, spirulina, coentro desidratado, aveia, castanha de caju, pistache, tofu e melado.

Já dentre os alimentos animais são o marisco e as carnes vermelhas, principalmente o fígado, lombo de boi e cordeiro.

 *Lembrando que aqui não estão sendo considerados a quantidade de ferro por porção e sua biodisponibilidade. 

Logo abrirão as inscrições para a próxima turma. Se inscreva abaixo na lista de espera para ficar sabendo.

Em caso de dúvidas, nos escreva no e-mail pririciardi@gmail.com 

Obrigada por se inscrever

Quero receber meu ebook Boa Digestão

Quero receber meu ebook
Boa Digestão

Todo ritual de beleza e cura começa por uma boa limpeza do corpo.

Não estamos falando de sucos detox, mas da garantia de uma boa digestão! Independente do que está buscando, esse é o primeiro passo que precisa dar para regular sua saúde!

O Ebook foi enviado no email cadastrado

Preencha com seus dados para receber mais informações

As informações sobre agendamento foram enviados por email